quinta-feira, 29 de abril de 2010

Riograndense perde em Três Passos

O Riograndense teve inúmeras chances de gol, mas não teve jeito de a bola entrar no jogo desta tarde contra o Três Passos, em Três Passos. A equipe do técnico Rodrigo Bandeira perdeu por 2 a 0. Os gols do Três Passos foram marcados por Fábio Buda, aos cinco minutos do primeiro tempo, e por Evandro Brito, aos 29 da etapa inicial.

A ideia do Riograndense era encaminhar a classificação à terceira fase da Série B do Gauchão já no jogo desta quarta-feira, mas a intenção foi adiada. A nova chance será no domingo, às 11h, no Estádio dos Eucaliptos, na partida contra o Santo Ângelo, agora treinado pelo técnico Bagé, ex-Inter-SM. O Riograndense segue na liderança do Grupo 5, com 15 pontos.

O jogo em Três Passos marcou a estreia do ala-esquerda Anderson Cruz, ex-Inter-SM. Ele entrou no segundo tempo, no lugar do capitão Luís Fernando, e até arriscou seus chutes potentes, mas o goleiro Tom, o nome do jogo, não deixou passar nada. O Riograndense atuou com Jair; Paulão, Rangel e Kaiser (Fábio Alemão); Cleiton, Toto, André Tereza (Juninho), Adilson e Luís Fernando (Anderson Cruz); Hyroshi e Tiago Duarte.

Segundona Gaúcha: Resultados da Quarta-Feira

Confira os resultados da 2ª rodada do 2º Turno:

QUARTA-FEIRA- 28/ABRIL

Guarany-Ca 3 x 1 14 de Julho

Cruzeiro 3 x 1 Brasil-Fa

Cerâmica 1 x 2 Glória

Três Passos 2 x 0 Riograndense

Panambi 0 x 0 Passo Fundo

Bagé 2 x 1 Rio Grande

Aimoré 0 x 1 Lajeadense


Jogos desta
QUINTA-FEIRA- 29/ABRIL
19:30

Santo Ângelo x Gaúcho

Guarany-Ba x São Paulo

Glória vence em Gravataí e segue vivo

Na tarde desta quarta-feira, o Leão da Serra disputou no estádio Vieirão mais uma importantíssima partida para suas pretensões na Segundona 2010. E mantendo a arrancada que começou no último domingo, na dramática vitória perante a equipe do Cruzeiro por 3 a 2, o Glória soube se impor em Gravataí e volta a Vacaria com 3 pontos na bagagem.

Mas do outro lado havia o Cerâmica, que também precisava vencer a qualquer custo. Nos 10 minutos iniciais a equipe da casa tentou esboçar uma pressão, obrigando o goleiro Márcio Kessler a fazer difíceis defesas. Por outro lado, a equipe gloriana buscava triangulações com Edimar, Márcio Souza e Marcelo Muller, e no comando de ataque, Lucas e Leandro Rodrigues buscavam o melhor entrosamento para conseguir o primeiro tento do jogo.

Então, aos 29 minutos, Márcio Souza fez seu tradicional arremesso lateral para o interior da grande área do Cerâmica, Lucas dominou e foi derrubado por Denio. Pênalti muito bem marcado por Márcio Chagas da Silva para o Leão. Marcelo Muller bateu e converteu, bola de um lado e goleiro de outro. Cerâmica 0 x 1 Glória.

Com 35 minutos, Lucas invadiu a área adversária sozinho e chutou forte, obrigando o goleiro Donizetti a fazer uma difícil defesa, jogando a bola pela linha de fundo. E aos 39 a equipe da casa respondeu, em um chute de Alê Menezes, Márcio Kessler fez uma defesa extraordinária, um verdadeiro milagre.

Na etapa complementar, logo aos 4 minutos, em contra-ataque rápido puxado por Lucas, ele chutou, o goleiro deu rebote e Leandro Rodrigues conferiu, fazendo seu primeiro gol com a camisa gloriana. Cerâmica 0 x 2 Glória.

Aos 11 minutos, o atacante Santiago é derrubado pelo goleiro Márcio, no interior da grande área do Leão, pênalti. Aos 12 Chiquinho bateu e descontou. Cerâmica 1 x 2 Glória.

Desesperado, o time da casa se largou ao ataque, visto que a derrota era um péssimo resultado para eles. Mas a equipe de Vacaria soube segurar o C.A.C. e garantiu os 3 pontos na partida.
Vale ressaltar também a excelente estréia do atacante Maiquel, autor de pelo menos 3 jogadas que quase transformaram-se em gols no decorrer da segunda etapa.

Com o resultado de 2 x 1, o Glória soma 10 pontos e ocupa a terceira colocação da Chave 6. Se a Segunda Fase terminasse hoje, o Leão estaria classificado como segundo melhor terceiro. No próximo sábado, a equipe do técnico Paulo Porto enfrenta o C.E.Aimoré no Altos da Glória às 17h.

Guarany-Ca vence 14 de Julho

Apesar das dificuldades, Bugre vence mais uma e se aproxima dos líderes da chave. Jogando em seu estádio, o Guarany de Camaquã na primeira etapa pressionou a equipe do 14 de Julho e teve várias oportunidades de abrir o marcador. Apesar de ter ficado com um atleta a mais em campo, o Bugre foi para o vestiário empatando em 0 a 0.

No segundo tempo, com a entrada de Itamar e posteriormente de Sampaio o Guarany melhorou bastante e abriu o marcador com um gol contra do 14 de Julho. Mas apesar da superioridade, o 14 de Julho empatou a partida com um lindo gol do atacante Enzo. O mesmo Enzo teve a chance de virar a partida em uma cobrança de penalti, mas o estreante goleiro André do Alvi-azul defendeu a cobrança. Até que a pressão deu resultado, e com um golaço de cabeça do zagueiro Fábio o Bugre fez 2 a 1 no marcador e ampliou para 3 a 1 com Flaviano após chances criadas por Junior e Rodrigo.

Passo Fundo conquista um ponto em Panambi

Com grande atuação defensiva, Passo Fundo segura 0 x 0 com o Panambi e soma ponto importante para a classificação


O Passo Fundo, mesmo atuando fora de casa, foi para o confronto contra o Panambi com a mesma escalação ofensiva do jogo que venceu o Santo Ângelo em Erechim, deixando claro que não queria dar chance para o azar e assim encaminhar a sua classificação. Apesar disso, o time não conseguiu repetir o desempenho no ataque, e jogando com inteligência trouxe um ponto de Panambi com o empate em 0 x 0. Agora, o time de Bebeto Rosa joga em casa, na tarde de sábado o clássico contra o Gaúcho.

O jogo - Aos seis minutos, após cruzamento da esquerda Juba cabeceia, mas a bola vai por cima do gol de Luciano. Deivid cruza, agora pelo lado direito mais uma vez buscando Juba, que dessa vez não alcança. No contra ataque Vainer arriscou de longe, mas a bola foi no meio do gol para fácil defesa do goleiro Vagner do Panambi. Depois disso o Passo Fundo conseguiu equilibrar o jogo, e até ensaiava sair mais para o ataque, mas acabava errando no último passe para os atacantes Zé Anderson e Adão. Aos 29 minutos o zagueiro Valdomiro bateu cabeça com cabeça com Marcelo Buda, e teve que ser atendido fora do campo, e posteriormente foi substituído por Brasa, que voltou ao time depois de ficar afastado devido a uma operação no joelho. Aos 39 minutos Marcelo Buda faz a jogada, arruma espaço e chuta de fora da área, bem colocado Luciano defende bem. Aos 45 minutos Vainer cruza falta na área buscando Adão, mas o goleiro Vagner sai do gol e fica com a bola. O primeiro tempo o Passo Fundo marcou bem, mas errou muito na saída de bola para o ataque, conforme disse o zagueiro Juliano em entrevista para a rádio Planalto AM.

Segundo tempo – Aos três minutos após cruzamento na área, o goleiro Vagner não segura e Fabiano Diniz quase faz, mas Vagner ser recupera e manda a bola para escanteio. O Panambi insistia nos cruzamentos para área, o que até o momento facilitava o trabalho da dupla de zaga Brasa e Juliano, e também do goleiro Luciano. Em uma tabela entra Juba e Marcelo Buda, Juba chuta e a bola bate na trave esquerda, e volta para as mãos de Luciano aos 12 minutos. Em um jogo muito truncado, onde o Panambi tinha mais posse de bola mas não conseguia finalizar, o Passo Fundo buscava um contra ataque para abrir o placar. Aos 33 minutos Bebeto Rosa tirou o atacante Zé Anderson e colocou o meia Márcio Galvão. Aos 36 minutos Restinga recebeu livre mas chutou para fora. Aos 38 em um contra ataque puxado por Márcio Galvão, omeia passa para Adão, que foi desermado dentro da área. Na sequência do lance, Miguel do Passo Fundo faz falta, recebe o segundo cartão amarelo e é expulso.

Brasil-Fa perde, mas segue entre os classificados

Jogando em Porto Alegre, o Brasil foi derrotado pelo Cruzeiro pelo placar de 3 a 1. A partida aconteceu na tarde desta quarta-feira, no Estádio Estrelão. Apesar do resultado negativo, o rubro-verde segue na zona de classificação, ocupando o segundo lugar da chave 6, com 11 pontos conquistados.

O jogo desta quarta-feira foi definido em bolas paradas, ainda na etapa inicial. O primeiro gol do Cruzeiro surgiu em um cabeceio aparado por Diego Torres, após cruzamento da esquerda. O segundo gol do time da casa foi anotado minutos depois, em cobrança de falta técnica, assinalado por Goiano. O Brasil descontou no final do primeiro tempo, através de Sandro Sotilli, em belíssima jogada trabalhada, que contou com assistência de Fabinho.
No segundo tempo, o Brasil voltou melhor e controlou as ações do jogo, embora sem chegar às redes. O time de Farroupilha teve boas chegadas à área adversária, em especial utilizando as alas. Mas o Cruzeiro ainda marcaria o terceiro gol, aos 49 minutos, em contra-ataque finalizado por Terrão.

O Brasil agora parte para uma série de dois jogos em casa. O primeiro deles acontece no domingo, às 18h30, diante do Lajeadense. Na quarta-feira, o Brasil enfrenta o Glória. Duas vitórias garantem a classificação do time do técnico André Luis.
Ficha Técnica:

CAMEONATO GAÚCHO DA SEGUNDA DIVISÃO
28/04/2010 ESTÁDIO ESTRELÃO (PORTO ALEGRE/RS)
CRUZEIRO 3 X 1 BRASIL/FA

Arbitragem: Vinícius Costa da Costa
Cartões Amarelos: Sandro, Jô e Terrão (C); Rafael Lopes, Rodrigo Dias, Maicon Sapucaia e Sandro Sotilli (B);
GOLS: Diego Torres, Goiano e Terrão (C); Sandro Sotilli (B)

CRUZEIRO: Fábio; Alex, Léo , Sandro e Patrola; Almir, Leandro Nunes, Goiano, Diego Torres (Terrão) e Faísca; Jô (Gil). Técnico: Benhur Pereira.

BRASIL: Paulo Roberto; Russo (Anderson Ijuí), Jean, Rafael Lopes e Fabinho; Odair (Diógenes), Rodrigo Dias, Dudu (Tiago Fernandes) e Maicon Saucaia; Magno e Sandro Sotilli. Técnico: André Luís.

Rio Grande perde para o Bagé na Pedra Moura

A quarta-feira não foi boa para o Rio Grande. Depois de sair vencendo o jogo contra o Grêmio Bagé e sofrer a virada, o Tricolor ainda deixou a liderança da chave 4, que sempre foi sua nesta segunda fase. Resultado do jogo desta noite, entre Garany-BG e São Paulo, determina a posição do Tricolor.Para o jogo no estádio Pedra Moura o técnico Toquinho optou pelo esquema de jogo com três volantes no meio-campo, compondo um 4-5-1, com o propósito de marcar as investidas do Bagé, sempre forte quando joga em casa, e de sair para o jogo com laterais e os meias Jorginho e Rafael Viana jogando próximos ao centroavante Mano Garcia.

No inicio do jogo o time da casa avançou bastante, mas logo aos 3min Mano Garcia recebeu passe de Carlão, dentro da área, e marcou ao acertar o canto direito do goleiro Fernando Costa. Após o gol o time do Rio Grande segurou o Bagé e ainda criou oportunidades não convertidas. Nos últimos minutos do primeiro tempo é que a pressão do Jalde-Negro foi mais intensa, porém, sem sucesso.

No final do primeiro tempo, o lateral-esquerdo Dudu Branco acabou expulso após falta sobre Heberson, onde o defensor do Rio Grande acabou chegando atrasado e cometendo a falta no campo de ataque. A ação causou irritação nos tricolores, que também protestaram da pressão exercida pelo banco de reservas do Bagé.

Para a segunda etapa restou ao técnico Toquinho recompor o sistema defensivo com a entrada de Junior Xavier, enquanto que Badico abriu mão dos três zagueiros e postou seu time mais à frente, fazendo três substituições antes dos dez minutos. A partida ficou favorável ao Bagé que cresceu no jogo e atacou muito.

O Rio Grande ia se safando, até que aos 30min Wiliam empatou o jogo. Em seguida aconteceu o segundo gol do Bagé, mas a arbitragem acabou invalidando o lance. Aos 38min o Bagé virou o jogo, quando Edílson aproveitou rebote de uma bola na trave e marcou. Em seguida o árbitro Rogério Gonçalves aplicou o segundo cartão amarelo, o que expulsou o zagueiro Junior Xavier do Rio Grande.

Perda da liderança

Com a derrota o Rio Grande acaba deixando a liderança da chave 4, assim que a bola rolar hoje à noite. Caso haja um vencedor no jogo de hoje entre Guarany-BG e São Paulo, o Tricolor fica na segunda colocação. Caso haja um empate, o Guarany assume a liderança e o Tricolor cai para terceira colocação devido aos critérios. No sábado o Rio Grande enfrenta o 14 de Julho, no estádio Arthur Lawson, às 19h.

Ficha Técnica
Bagé (2) - Fernando Costa; Aladio (Wiliam), Heberson e Tairone; Deivid, Evandro, Dieisson, Luciano Ritta (Alex), Edílson e Tiago Fernandes (Rodrigo); Castillo. Técnico: Badico.

Rio Grande (1) - Patrick; Carlão, Mano, Fogolari e Dudu Branco; Igor, Mauricio (Daniel Quevedo), Robson, Jorginho (Douglas) e Rafael Viana (Junior Xavier); Mano Garcia. Técnico: Toquinho.

Arbitragem de Rogério Gonçalves, auxiliado por Antônio Cesar Padilha e Lúcio Beiersdorf.

Local: Estadio Pedra Moura.

Aimoré perde em casa para o Lajeadense

Com esta derrota, o Aimoré precisará de três vitórias para classificar

O Aimoré perdeu para o líder Lajeadense por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (28), no Monumental do Cristo Rei. Com a derrota e somente oito pontos, o índio caiu para a quinta colocação, complicando ainda mais suas chances de classificação para a próxima fase da Segundona Gaúcha.



O jogo



O Aimoré produziu quase nada na primeira etapa. Aos 6min, PC da linha de fundo rolou para trás e Gian dentro da grande área desperdiçou a grande chance de sair na frente, chutou sobre o gol. Aos 21min, Robert do Lajeadense aproveita a falha da zaga índia, chuta cruzado, mas longe do gol. Aos 36min, Rodrigo Galvão tenta de cabeça no escanteio e acerta o travessão.



Na segunda etapa, Plínio lança na área, Galvão chega atrasado para concluir de cabeça. Aos 12min, Sananduva cruza da esquerda e de cabeça Kelson coloca sobre o gol. Aos 14min, Rudiero, chuta rasteiro no canto esquerdo, Rafael defende firme no chão. Aos 19min, o veloz Maycon, cruza da esquerda, Celsinho isola sobre o gol. Aos 20min, Sananduva parte para o ataque e no rebote chuta firme, Gallas, no centro do gol, defende sem dificuldades. Aos 22min30s, gol do Lajeadense. Rudiero cruza da esquerda, a bola atravessa a pequena área achando Robert sem marcação que escorou firme para o fundo do gol aimoresista. Aos 32min, Celsinho chuta forte, Rafael defende no centro do arco. Aos 43, Sandro Fraga, no rebote, acerta o travessão anilado.


Desta vez, as trocas do Prof. Abel Ribeiro, não surtiram efeitos. Por atacado trocou PC por Ícaro e Plinio Jr. por Leandro. Neste momento a equipe ficou sem nenhum articulador. Na tentativa de corrigir a meia-cancha, já no final da partida, coloca Fábio Wesley no lugar de Douglas.



As equipes



O Aimoré, do técnico Abel Ribeiro, jogou com Rafael, Gian, Douglas (Fábio Wesley), Ricardo, Longaray, Sananduva, Sandro Fraga, PC (Ícaro), Kelson, Plínio Jr (Leandro), Rodrigo Galvão.
Amarelo para Leandro e o terceiro de Longaray que está fora contra o Glória.



O Lajeadense, do técnico Luiz Freire, jogou com Gallas, Celsinho, Gonçalves, Gabriel, Cris Beato, Castiano, Piccinni (Maycon), Serginho, Robert, Marquinhos (Jé), Rudiero (Tomazinho).
Amarelo para Jé.



Árbitro: Francisco da Silva Neto, auxiliado por Julio Cesar dos Santos e Jorge Bernarde.

Santo Ângelo muda para enfrentar o Gaúcho

No treino de ontem à tarde, o técnico Bagé definiu o esquema que utilizará diante do Gaúcho, nesta quinta-feira, no estádio da Zona Sul, em jogo marcado para às 19h30min. O Santo Ângelo precisa vencer para não se distanciar ainda mais da briga pela classificação à terceira fase da Segundona 2010. Pico na meia-cancha é a principal mudança promovida pelo treinador Bagé para tentar a vitória.Nos dias que antecederam a partida, o treinador aproveitou para ajustar o time e testar as possibilidades que terá a sua disposição para este jogo decisivo para as pretensões do time, na competição.No esquema 3-5-2, testado com mais frequência nos treinamentos, o time mostrou um melhor rendimento. Mais entrosados, Miranda, Carlão e Marcelão devem garantir segurança ao setor defensivo. Nas alas devem atuar Willian e Guillermo Lopes.

No meio, Róbson terá a parceria de Anderson Pico e Cristian Lucca, enquanto Douglas e Gustavo Papa, formam a dupla de ataque.O técnico Bagé terá ainda a disposição os reforços de Beto Fronza e Matheus, que já tem condições legais de jogo.
Enquanto o plantel treinava na tarde desta quarta-feira, o atacante Diego, depois de um longo tempo em recuperação de uma fratura e cirurgia na mão direita, realizava trabalhos físicos e com bola à margem do gramado. O jogador tem a expectativa de voltar logo a jogar.
O jogo entre Santo Ângelo e Gaúcho terá arbitragem de Jean Pierre Gonçalves Lima auxiliado por José Javel Silveira e Fábio Smaniotto. A partida inicia às 19h30min.

GAÚCHO

O Gaúcho, que também perdeu na abertura do returno em casa para o Três Passos, vem para este jogo apostando também todas as suas fichas, pois ser perder mais uma dá praticamente adeus a competição. Na tarde desta quinta-feira, o técnico Ricardo Attolini comandou um coletivo e teve alguns problemas para definir a equipe passo-fundense.

O atacante Marlon, lesionado, está fora da partida, bem como o zagueiro Giba, que cumpre suspensão. Em contrapartida, Attolini deverá ter a volta do volante Dudu, que recuperou-se de lesão, bem como do meia Renan, que também recuperou-se a tempo de vir a Santo Ângelo.
Attolini deverá adotar o esquema 4-4-2 mandando a campo Souza, Graciano, Didi (Patrick), Baggio e Wagner, Dudu, Marciel, Danilo e Diego Miranda, Marcelo Bela e Everton Santos.

Futebol profissional do 15 não deverá voltar tão cedo


"Se depender do apoio que estamos recebendo da comunidade, a bola não voltará a rolar tão cedo aqui no 15 de Novembro." Esta declaração foi dada ontem pelo vice-presidente de futebol do clube, Armin Blos. A campanha "Torcedor Avante 15" não está obtendo bons resultados. O último jogo do tricolor no Estádio Sady Schmitt foi no dia 26 de março de 2008, contra o Grêmio - ou seja, há mais de dois anos. O dirigente garantiu que a presença ou não do clube na Copa RS será definida até o final de maio.

Se a volta do time profissional parece distante, pelo menos o 15 de Novembro planeja a reativar as categorias de base. "O que está certo é que as nossas escolinhas começarão a funcionar ainda neste ano, no antigo campo do Fillis, no bairro Quatro Colônias", disse Armin Blos. Vale lembrar que o futebol do 15 completará 100 anos em 2011.

Gaúcho em campo Hoje. Passo Fundo empatou ontem

O alviverde jogará contra o Santo Ângelo, às 19h30. O jogo será disputado no Estádio da Zona Sul, em Santo Ângelo.
Para as duas equipes poderá ser a última chance de buscar a classificação. Após, faltarão apenas três rodadas para o encerramento da segunda fase. O Gaúcho soma 6 pontos, um ponto a menos do que o Santo Ângelo. O Panambi também chegou a 7 pontos ao empatar com o Passo Fundo, ontem. O Três Passos entrou no páreo, com três vitórias seguidas, fazendo ontem 2x0 sobre o Riograndense - soma 10 pontos.
Em melhor situação na tabela, podendo encaminhar as vagas na próxima rodada, estão Riograndense (15 pontos) e Passo Fundo (13).


terça-feira, 27 de abril de 2010

Nova data do clássico Passo Fundo x Gaúcho ainda indefinida

A direção do Esporte Clube Passo Fundo pretendia realizar o clássico diante do Sport Club Gaúcho pela Segunda Divisão no Estádio Vermelhão da Serra no sábado que vem. Seria aproveitado o feriado (Dia do Trabalhador) para atrair os torcedores.
Contrariando as expectativas, o Santo Ângelo resolveu adiar seu jogo com o Gaúcho para a quinta-feira. Dessa maneira, não haverá o limite mínimo entre um compromisso e outro.
A alternativa levantada é a realização do clássico na segunda-feira, às 19 horas. Domingo não será possível em função da realização do Gre-Nal decisivo pelo Gauchão. A nova data será definida hoje em contato dos dirigentes dos dois clubes passo-fundenses.

Informações Radio Planalto

Na base da superação, Brasil-Fa vence o Aimoré

Superando circunstâncias absolutamente atípicas, o Brasil venceu o Aimoré pelo placar de 1 a 0, na noite deste domingo. A partida aconteceu no Estádio das Castanheiras, em Farroupilha. A vitória coloca o Brasil na vice-liderança da chave, com 11 pontos conquistados, e mais próximo da classificação para o quadrangular semifinal do Campeonato Gaúcho da Segunda Divisão.

Em um gramado completamente alagado e sem condições de jogo, o Brasil sofreu com a maior força física do adversário. A situação ficou ainda pior quando o zagueiro Thiago Martins foi expulso logo a 20 minutos da etapa inicial. Diante das circunstâncias, o Aimoré foi superior na etapa inicial, embora sem criar grandes chances de gol.

O segundo tempo foi uma mostra de superação, raça e qualidade do time de Farroupilha. Apesar da inferioridade numérica em campo, o Brasil anulou por completo as chances do Aimoré e construiu várias boas chances, até marcar o gol da vitória, através do artilheiro Gavião, aparando cruzamento de Fabinho. Foi o décimo primeiro gol do centroavante na competição. O árbitro assinalou 5 minutos de acréscimos, o que sublinhou a resistência física da equipe rubro-verde, que resistiu bravamente a pressão do adversário.

Ficha Técnica:
CAMPEONATO GAÚCHO DA SEGUNDA DIVISÃO
25/04/10 ESTÁDIO DAS CASTANHEIRAS (FARROUPILHA/RS)
BRASIL 1 X 0 AIMORÉ
Arbitragem: Alexandro Viara;
Cartões Amarelos: Thiago Martins, Eduardinho e Gavião (B); Flavinho e Sandro Fraga (A);
Cartão Vermelho: Thiago Martins (B)
GOL: Gavião (B) (23/2º)

BRASIL: Paulo Roberto; Jean, Thiago Martins e Rafael Lopes; Russo, Rodrigo Dias, Eduardinho (Anderson Ijuí), Maicon Sapucaia e Fabinho; Gavião (Sidnei Fernando) e Sandro Sotilli (Odair). Técnico: André Luis.

AIMORÉ: Rafael; Douglas, Ricardo e Sananduva; Gian, Longaray, Sandro Fraga (PC), Cristiano (Fabio Wesley) e Flavinho (Plinio); Kelson e Rodrigo Galvão. Técnico: Abel Ribeiro

O Brasil volta a campo na próxima quarta-feira, às 15h30, diante do Cruzeiro, em Porto Alegre. O Aimoré pega o Lajeadense na quarta-feira, às 19h30min no Cristo Rei.

Inter B excursiona pelo Uruguai

O time B do Internacional viajou no domingo para o Uruguai, onde realizará uma série de amistosos durante esta semana. A equipe treinada por Enderson Moreira enfrentará times tradicionais como Peñarol, Nacional e River Plate. O primeiro jogo será contra o River, no Estádio Saroldi, já nesta terça-feira. Na quarta, o Inter B enfrenta o Peñarol no centro de treinamentos do time local. E na sexta-feira o time fecha a excursão pelo Uruguai enfrentando o Nacional, no estádio Parque Central.

Atualmente o grupo do Inter B é formado por uma mescla de jogadores experientes que já tiveram passagem pelo grupo profissional, e jovens promessas recém promovidas ao time júnior que são aproveitadas no time B.

Jogos do Inter:
Terça-feira (27/4)
15h30min River Plate x Internacional – Estádio Saroldi
Quarta-feira (28/4)
15h30min Penãrol x Internacional – CT Peñarol
Sexta-Feira (30/4)
16h Nacional x Internacional – Estádio Parque Central

Grupo de jogadores:
Goleiros: Rodolfo e Rafael Copetti;
Zagueiros: Nando, Romário, Leoazão e Diogo;
Laterais: Kleber e Lima;
Volantes: Juliano, Élton, Roberto, Amaury, Milton Júnior e Zé Mário;
Meias: Wagner Líbano, Ytalo, João Paulo e Eduardo;
Atacantes: Fabinho e Léo.

Riograndense segue embalado na Segundona


Riograndense vence o Panambi por 2 a 0 nos Eucaliptos Se há um time com pinta de bicho-papão nesta Série B do Gauchão, ele atende pelo nome de Riograndense. A fama foi confirmada no sábado à tarde, na vitória de 2 a 0 sobre o Panambi, na abertura do returno da segunda fase da Segundona. Com um gol contra do zagueiro Willian Xavier e outro do estreante Tiago Duarte, o time de Santa Maria chegou a cinco vitórias em seis jogos. É a equipe de melhor campanha nesta etapa da Série B, com 15 pontos. Na quarta-feira, o Riograndense joga fora de casa contra o Três Passos.

O compromisso de sábado não era uma partida qualquer. Além de o Estádio dos Eucaliptos estar bordado de torcedores, havia uma atração à parte: a estreia do atacante Tiago Duarte. E ela ficou para o segundo tempo, porque o técnico Rodrigo Bandeira começou o duelo com o ataque formado por Hyroshi e Juninho.

Com alguma dificuldade para trabalhar bem a bola do meio-campo para o ataque, o Riograndense não deu grandes sustos no Panambi no primeiro tempo. Na melhor oportunidade, aos 27, numa jogada que começou com Luís Fernando pela esquerda, o capitão tramou com Adilson, que tocou para Cleiton na direita. O ala cruzou para a área e, com o goleiro já batido, Juninho chegou atrasado no lance. Aos 33, mais uma boa jogada de Adilson com Juninho, mas a zaga afastou o perigo. O Panambi, além de uma chegada com efeito que o goleiro Jair salvou aos 38 minutos, ameaçava em cobranças de bola parada. E ficou nisso a etapa inicial.

Gol cedo – Precisando de uma jogada mais aguda para abrir o placar, Rodrigo Bandeira trocou Juninho por Tiago Duarte no intervalo. E o estreante mostrou que tem estrela. Logo a um minuto e 45 segundos, ele participou do lance do primeiro gol do Periquito. Após cruzamento na área de Luís Fernando, Tiago Duarte chegou pelo meio dividindo com o zagueiro Willian Xavier, do Panambi, e a bola foi parar no fundo das redes. O gol foi assinalado para o zagueiro, contra.

Mas Tiago Duarte não queria apenas participar. Mostrando bom entrosamento com seus novos companheiros, Tiago Duarte deixou a sua marca aos 18 minutos. Hyroshi invadiu a área pelo lado esquerdo e tocou para o atacante. Com um toque de categoria, Tiago Duarte fez 2 a 0. O Panambi até tentou descontar em uma investida de Juba aos 24, mas a bola foi para fora. E o desfecho nos Eucaliptos foi mais uma vitória do Riograndense, algo que já está virando rotina nesta Segundona.

– O mais importante era a vitória. E ainda com um gol meu – destacou Tiago Duarte ao final da partida.
Inscrições
O Riograndense inscreverá hoje na Federação Gaúcha de Futebol os últimos três reforços anunciados: o ala-esquerda Anderson Cruz, o volante Douglas e o centroavante Lucas. O prazo de inscrição de jogadores na Segundona gaúcha termina hoje.

Mano Menezes deverá indicar o novo técnico para o Xavante


O Brasil que tinha como nome indicado para ser o técnico xavante o nome de Gilmar Dal Pozzo,não negocia com este para o Brasileiro da Série c. Segundo informações do repòrter Darci Pino da Rádio Universidade, o técnico xavante será uma indicação do técnico do Corintians Mano Menezes. Mano que já comando o Brasil em um brasileiro da série c, em contato realizado por diretores do Brasil, indicará o novo técnico xavante.

Brasil-Pe: Comissão de futebol terá autonomia para tomar decisões

A comissão formada para comandar o futebol do Brasil durante a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C, competição que tem início previsto para o dia 18 de julho, terá carta branca para tomar todas as decisões. O departamento de futebol xavante será composto pelo ex-vice de futebol Euzaide Lahn – o Peto -, que comandará o setor, o conselheiro Paulo Cunha, o ex-vice de futebol Homero Klauck e o ex-presidente Cláudio Montanelli.
- O presidente Helder nos deu autonomia total no futebol. Foi uma das nossas condições. Claro que nós vamos descobrir os nomes, indicar os nomes e sentar com a comissão de administração – explicou Paulo Cunha, um dos responsáveis pelo futebol rubro-negro.

A comissão de administração contará com os ex-presidentes Érico Ribeiro e Ivânio Branco de Araújo e o atual vice-presidente André Araújo, sendo auxiliados também por Paulo Moreira e José Carlos Bachetini. Já as finanças terão como responsáveis o presidente Helder Lopes, o ex-vice-presidente financeiro Wilson Mendonça, o ex-presidente Hamilton Santos e o conselheiro Fernando Ribeiro.

Com o objetivo de agilizar as decisões referentes ao futebol para a disputa da competição nacional, os dirigentes do Brasil poderão antecipar a apresentação do elenco para o dia 17 de maio. De acordo com Paulo Cunha, o clube pelotense já está realizando contatos com jogadores e treinadores.
- Nós já estamos atrás de jogadores. Já realizamos contatos com nomes também para definir a comissão técnica, até porque entendo que isso tenha que ser uma coisa rápida – afirma.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Segundona Gaúcha: Resultados do fim de semana


Confira os resultados da 1ª rodada do 2º Turno:


SÁBADO - 24/ABRIL
PASSO FUNDO 1 X 0 SANTO ANGELO
RIOGRANDENSE 2 X 0 PANAMBI
GAÚCHO 2 X 3 TRES PASSOS
RIO GRANDE 1 X 0 GUARANY-Ca

DOMINGO
14 DE JULHO 2 X 5 GUARANY-Ba
GLÓRIA 3 X 2 CRUZEIRO
BRASIL-Fa 1 X 0 AIMORÉ
SÃO PAULO 3 X 0 BAGÉ
LAJEADENSE 3 X 0 CERÂMICA

Riograndense inscreve últimos reforços no Gauchão

O Riograndense aproveitou o último dia do prazo de inscrição de jogadores para a Série B do Gauchão para registrar os três últimos reforços anunciados pelo clube. O ala-esquerda Anderson Cruz, que se apresentou no Estádio dos Eucaliptos durante o jogo de sábado, na vitória de 2 a 0 sobre o Panambi, o volante Douglas e o centroavante Lucas já estão devidamente inscritos na Federação Gaúcha de Futebol (FGF). Anderson Cruz, ex-Inter-SM, deve ser opção no banco de reservas no jogo desta quarta-feira, contra o Três Passos, em Três Passos. Aliás, a novidade nesse jogo será a presença do atacante Tiago Duarte entre os titulares. Quem sai do time é Hyroshi ou Juninho.

Para fugir da concorrência com o Gre-Nal que decidirá o título do Gauchão 2010, o Riograndense vai mudar a data do seu jogo contra o Santo Ângelo, previsto inicialmente para domingo, às 15h30min, válido pela oitava rodada da segunda fase da Série B do Gauchão. A intenção da diretoria do clube de Santa Maria era antecipar a partida para o sábado, às 15h30min. Porém, como o adversário (o Santo Ângelo) tem partida marcada para quinta-feira, contra o Gaúcho, não haveria tempo hábil para a realização do jogo no sábado.

O Riograndense deve marcar o duelo contra o Santo Ângelo para domingo de manhã, às 10h ou às 11h. Uma alternativa mais remota seria jogar na segunda-feira à tarde. Antes, porém, o Riograndense encara o Três Passos nesta quarta-feira, em Três Passos.

São Paulo apresenta novo reforço nesta terça


O paranaense Bruno Morais, de 25 anos, 1,86m, é o centroavante a ser apresentado às 10h de terça-feira (27) pelo São Paulo. Ele vem do Vitória, de Pernambucano, pelo qual marcou sete gols. Já teve passagens pelo Palmeiras, de São Paulo, e pelo Dinamo Minsk, da Rússia. Ele é o 30º jogador do plantel rubro-verde.

O clube buscou a agilização de sua documentação na Federação Gaúcha de Futebol (FGF), mas a tendência é de que sua estreia seja no final de semana, diante do Guarany, de Camaquã, ficando de fora da partida de quinta, em Bagé, contra o Guarany.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Aimoré derruba o líder no Cristo Rei

O único gol da partida foi marcado por Rodrigo Galvão aos 42 minutos do segundo tempo.

O Aimoré encarou na tarde desta quarta-feira um desafio e tanto. O índio precisava vencer de qualquer maneira para chegar entre os classificados de seu grupo à próxima fase da Segundona Gaúcha. E atingir este objetivo necessitava de um triunfo no Estádio do Cristo Rei, em São Leopoldo, diante do Brasil de Farroupilha, líder da chave 6 e que ainda não havia perdido na segunda fase. Depois de um jogo truncado de muita marcação, parecia que a partida iria terminar com o placar cerrado. E, foi no apagar das luzes que o índio obteve a vitória por 1 a 0, com Rodrigo Galvão, marcando o seu primeiro gol vestindo a camiseta índia. Com o resultado, além de derrubar a invencibilidade do time da Serra, o Aimoré terminou o primeiro turno da segunda fase em segundo lugar na chave 6 com oito pontos, mesma pontuação do Brasil. As duas equipes empatam em todos os critérios de desempate.

As primeiras chances de gol do índio na partida ocorreram com Rodrigo Galvão aos oito e onze minutos iniciais.

O Brasil de Farroupilha só veio a pressionar o Aimoré aos 34 minutos com Gavião, um dos artilheiros da Segundona com oito gols. O atacante chutou forte para boa defesa de Rafael. Um minuto depois, a equipe da Serra voltou a incomodar com Tiago Martins que cabeceou no travessão, para o arqueiro do índio só ficar olhando e torcendo para a bola não entrar.

Aos 42 minutos, depois da pressão do Brasil, o índio voltou ao ataque. Após Cristiano cobrar escanteio, Rodrigo Galvão cabeceou para fora, o goleiro Paulo Roberto já estava vendido no lance.

Depois de um primeiro trucado com as duas equipes marcando forte, o técnico Abel Ribeiro mudou a postura do Aimoré na largada da etapa complementar. O treinador tirou Alexandre e colocou Fábio Wesley. O meia deu mais força e movimentação para o ataque amoresista.

A equipe da casa começou a etapa complementar pressionando o adversário. Logo de cara Rodrigo Galvão avançou, cruzou, mas Douglas não alcançou a bola. Em seguida, o mesmo Douglas perdeu outra chance clara de gol, chutando para fora.

Aos sete minutos, o Brasil de Farroupilha chegou ao ataque, o cruzamento veio da direita para Dudu cabecear na trave.

Em boa trama do ataque, o índio teve boa chance de gol aos 15 minutos, quando Kelson avançou, chutou forte para defesa de Paulo Roberto. No rebote, Flavinho aproveitou, mas o arqueiro do Brasil fez novamente boa intervenção. Sete minutos depois, Fábio Wesley cabeceou para fora após cruzamento de Jean.

Quase no apagar da luzes, aos 42 minutos, o Aimoré chegou ao seu gol com Rodrigo Galvão. O atacante avançou pela esquerda e da entrada da área chutou forte para a bola morrer no fundo das redes do Brasil de Farroupilha.

Na primeira partida do returno da segunda fase da competição, no domingo, o Aimoré volta a enfrentar o Brasil, só que desta vez nas Castanheiras, em Farroupilha. Neste confronto, a equipe da Serra já terá a disposição Sandro Sotilli e Maicon Sapucaia.

Resultados da 5ª Rodada

Resultados dos jogos desta tarde, válidos pela 5ª rodada da 2ª Fase da competição:

CERAMICA 1 X 2 LAJEADENSE
Santiago 16m do 1º(C) - Picinini 25m e Robert 30m 2º(L)

GUARANY-Ca 2 X 1 RIO GRANDE
Mano Garcia 37m do 1º(R) - Flaviano 21m e Pavanin 37m do 2º(G)

AIMORE 1 X 0 BRASIL-Fa
Rodrigo Galvão 43m do 2º (A)

CRUZEIRO 1 X 0 GLÓRIA
Sandro 42m do 2º

TRES PASSOS 3 X 2 GAÚCHO
Fábio Buda 20 e 26 do 1º, Rafael Pelézinho 7m do 2º (T) - Everton 22m 2º,Marcelo Bela 32m do 2º (G)

PANAMBI 0 X 1 RIOGRANDENSE
Cleiton 38m do 2º (R)

SANTO ANGELO 0 X 3 PASSO FUNDO
Adão 13m do 1º e 33 do 2º e Marcinho aos 41 do 2º(P)

Hoje as 20:30
BAGÉ X SÃO PAULO

Amanhã as 21:30
GUARANY-Ba X 14 DE JULHO

São Paulo joga contra o Bagé para se manter entre os "classificáveis"


Atualmente na segunda posição da Chave 4, com nove pontos ganhos, o São Paulo busca a manutenção de sua posição no último jogo do primeiro turno da segunda fase da competição. O adversário desta quarta-feira, 21, às 19h, será o Grêmio Bagé no estádio da Pedra Moura. Vivendo um mau momento dentro da Segundona, o Bagé considera o jogo como de vida ou morte.

A delegação do São Paulo viajou ontem à tarde para Bagé. O time não teve muitas alterações, uma vez que o técnico Leco deve optar pela manutenção de quase toda a equipe que atuou no último jogo. O time deve ter Sandro; Mateus, Gerson, Alberto e Alex; Wagner Rincon, Emerson Dantas, Marcelinho Baiano (Thiago Saraçol) e Mazinho; Felipinho e Cortez. A alteração pode acontecer no meio-campo, já que contra o Guarany de Bagé, Marcelinho Baiano foi o titular, com Saraçol entrando no intervalo. Outra possibilidade é a entrada do uruguaio Cristian Fabian.

Dois jogadores que atuam em Bagé tiveram a mesma sensação ao final do jogo contra o Guarany, no último domingo. O goleiro Sandro desde o dia 18 de março não era titular, quando foi muito criticado pela torcida no clássico contra o Rio Grande. Ao fim do jogo, revelou toda sua apreensão pela vitória. "Passar pelo que eu passei não é fácil, tem que ser forte, tirei um peso enorme das costas", revelou Sandro após o jogo, onde contribuiu para a vitória com bela defesa no fim da partida. Outra reestreia foi do lateral-direito Mateus que teve sua última passagem pelo clube em 2008. Em autocrítica, o jogador não gostou de sua atuação. "Peço desculpas ao torcedor por não ter conseguido repetir as atuações do passado, não conheço as características dos companheiros, mas isso vai melhorar nos próximos jogos", disse o atleta que goza de muito prestígio nas arquibancadas do Aldo Dapuzzo. Contra o Grêmio Bagé, Sandro e Mateus buscam afirmação na equipe titular e o carinho do torcedor.

O Bagé vem de duas derrotas e está com apenas três pontos na classificação. O técnico Badico conta com os retornos de Fernando Costa, Arruda, Luciano Ritta e William, que cumpriram suspensão contra o Rio Grande. O jogo é caracterizado como o jogo do ano para o Jalde-Negro. O time deve ter Fernando Costa; Heberson, Aladio e Arruda; Evandro Salermo, Luciano Ritta, Evandro Moreira, Edílson e Tiago Fernandes; Castillo e Fabinho Natal.
A arbitragem será de Rogério Espilman, auxiliado por Fernando Gutierrez e Cláudio Gonçalves. O outro jogo da rodada, válido pela Chave 4, acontece nesta quinta-feira, 22, entre Guarany-BG e 14 de Julho.

Rio Grande vai a Camaquã em busca de somar pontos


A missão do Rio Grande já por si não é das mais fáceis, pois ao defender a liderança diante ao Guarany, em Camaquã, nunca se encontrará facilidades. Além disso, o técnico Toquinho terá quatro desfalques para a partida. As boas notícias são as contratações de Carlão e Maurício, que podem chegar a viajar.
O técnico Toquinho deixou claro ontem, 20, ao conversar com a imprensa antes do treino, sobre sua intenção no jogo da tarde desta quarta-feira, 21. "Não concordo quando dizem que estamos classificados, vejo que todas as equipes, exceto o 14 de Julho, ainda têm chances e isso torna nosso jogo ainda mais difícil, onde precisamos trazer ao menos um ponto".
Para o jogo, que se inicia às 15h30min, o comandante Tricolor não poderá contar com os zagueiros Mano e Carlão, o volante Igor e o lateral Maicon. Em compensação, a direção lutava ontem à tarde para inscrever os novos reforços, o volante Maurício, ex-Pelotas, e o zagueiro Carlão, que no ano passado atuou no Rio Grande durante a Copa Arthur Dallegrave. Caso seja possível escalá-los, Toquinho deve deixá-los no banco de reservas.

O time do Rio Grande para a partida no estádio Coronel Silvio Luiz deve ter Patrick; Júnior Xavier, Gabriel e Fogolari; Felipe, Douglas, Robson, Rafael Viana e Dudu Branco; Jeferson e Mano Garcia. A arbitragem será de Eder Zanella, auxiliado por José Otávio Dias e Fábio Smaniotto. O adversário vem de vitória sobre o 14 de Julho, fora de casa, e na cidade de Camaquã a mobilização é enorme para que o torcedor compareça no estádio. O time de Geraldo Dellamore deve jogar com Diego; Teda, Alex Silveira, Valença e Márcio Silveira; Bi, Luciano Correia, Vinícius Sampaio e Ivan Lima; Raphael Paraíba e Flaviano.

Lajeadense joga de olho na liderança


Alcançar as primeiras colocações de um grupo composto de seis equipes, de forças equilibradas, é uma tarefa difícil. Mais difícil, porém, é conseguir manter-se nessa posição de destaque. Como a diferença de pontos é mínima, cria-se a possibilidade dos extremos: uma queda brusca em caso de derrota ou um salto ainda maior na classificação. É atrás desse segundo objetivo, o avanço na tabela, que o Lajeadense vai a campo hoje, na última partida do primeiro turno da segunda fase da Segundona. Às 15h30min, o Alviazul, vice-líder do Grupo 6, enfrenta o Cerâmica, em Gravataí, na expectativa de repetir fora de casa o que tem feito em seu reduto: a princípio não perder e, mais do que empatar, vencer. Mas o retrospecto longe da torcida não é dos melhores. No entanto, o Alviazul pega, nesta tarde, um adversário pressionado pela lanterna e pelo péssimo resultado do último domingo, a goleada de 4x0 sofrida diante do Glória, em Vacaria. O Lajeadense vai no embalo da vitória sobre o Aimoré, mas desfalcado de Celsinho e Cris Beato, suspensos em razão do cartão vermelho e terceiro amarelo, respectivamente. Para o lugar de Cris, Luiz Freire escalou o substituto imediato, Gabriel. Na lateral-direita, o técnico optou pelo recém-contratado Rudiero, volante de origem, mas que já atuou na posição pelo ex-clube, o São Luiz de Ijuí. Essas foram as únicas mudanças promovidas no treino de ontem, em relação ao time que iniciou o duelo do fim de semana.
Além do jogo do Lajeadense, a tabela marca, para hoje, pelo Grupo 6, Cruzeiro x Glória e Aimoré x Brasil de Farroupilha.

Reforço
O Lajeadense anunciou, ontem, o terceiro reforço para a disputa da segunda fase da Segundona Gaúcha. Trata-se do atacante Maycon, do Juventude de Caxias do Sul. Natural de São Lourenço do Sul, em Santa Catarina, o atleta tem 22 anos e foi revelado pelo Pinheiros de Taquari. Na Serra Gaúcha, defendeu, antes do Juventude, o Caxias e o Esportivo. Velocidade e conclusão com os dois pés são suas principais características. A sua vinda não tem relação com possíveis sondagens do Juventude em contar com Celsinho após a Segundona. Antes de acertar com Maycon, o Alviazul tentou trazer Clodoaldo, nascido em Roca Sales e que defende o Pelotas. Mas as boas atuações pelo clube pelotense no Gauchão 2010 e os dois gols marcados contra o Inter, na decisão da Taça Fábio Koff, atraíram outros interessados e o negócio não se concretizou.

Glória encara o Cruzeiro


Na manhã desta terça-feira, o técnico Paulo Porto comandou o último treinamento visando o confronto contra o Cruzeiro-PoA que ocorre amanhã, às 15h30min no estádio Estrelão. Mas a delegação gloriana viajou ainda com time indefinido. A principal ausência será a de Vagson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, para seu lugar, surgem as opções de Alejandro, André Alagoano ou até mesmo Marcelo Muller.
O recém contratado Leandro Rodrigues ainda não está em sua melhor forma física, portanto nem viajou para Porto Alegre. No ataque há a possibilidade de que a dupla do último jogo seja mantida, Lucas e Leonel, mas Simovic também é opção.
A arbitragem estará a cargo de Jean Paulo Abreu de Campos, auxiliado por João Lúcio Monteiro de Souza Júnior e José Eduardo Calza.

Guarany confirma jogo para as 21h30min


A fim de evitar a concorrência com Internacional x Deportivo Quito,pela Libertadores da América, o Guarany solicitou e a Federação Gaúcha de Futebol homologou o horário de 21h30min para o jogo dos alvirrubros contra o 14 de Julho, amanhã, no Estádio “Antônio Magalhães Rossell”.Vencer é uma necessidade para os alvirrubros, que estão atualmente entre os melhores terceiros das duas chaves, o que significa a inclusão parcial entre os classificados para a terceira fase. Daí toda a expectativa do torcedor alvirrubro para o jogo da quinta-feira, contra um adversário que vem fracassando na segunda etapa (apenas um ponto conquistado em 12 disputados) e que, por isso mesmo, representa perigo em potencial às pretensões do Guarany.
Osvaldo Rolim define hoje sua equipe, já contando com o retorno de Vando e Tiago Coelho, após o cumprimento de suspensão automática.

Juventude contrata revelação da Segundona Gaúcha


O departamento de futebol do Juventude confirmou nesta terça-feira a contratação do lateral direito Celsinho, 22 anos, que está disputando a segundona gaucha pelo Lajeandense, sendo consdierado uma das revelações do time anilado. Celsinho já vinha sendo observado pelos dirigentes esmeraldinos há algum tempo, e após negociações com o clube do Vale do Taquari, ficou acertada a vinda do jogador para o estádio Alfredo Jaconi, após o término da participação do Lajeadense na Série B do Gauchão.

Presidente do Brasil-Pe diz que momento é de união


Desde 2007 ocupando o cargo de presidente do Brasil, uma das principais críticas recebidas por Helder Lopes esteve relacionada ao número reduzido de pessoas que trabalharam na sua administração. Por muitas vezes, inclusive, o mandatário foi tachado de centralizador pelos seus opositores.

Contudo, essa realidade parece estar com os dias contados no Bento Freitas. Pensando em qualificar a atual gestão, tendo como principal objetivo o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro, Helder Lopes convidou ex-dirigentes para auxiliar na sua administração. Um dos nomes citados é o do ex-presidente Érico Ribeiro, que poderá ocupar uma vice-presidência.
- Convidamos ex-diretores, ex-presidentes, colaboradores, conselheiros que já prestaram grandes serviços ao Brasil. O que eu posso colocar é que é em torno de 12 a 15 pessoas foram convidadas e que o Érico Ribeiro está ao nosso lado – informa o presidente.

A idéia é aumentar o apoio nos principais departamentos do clube: áreas administrativa, financeira e de futebol.
- Não vamos mudar a forma de administrar, mas sim, estamos tentando buscar mais gente para aumentar o apoio nesses departamentos que acreditamos que é base do clube – o departamento de futebol, departamento financeiro e departamento administrativo – explica Lopes.

No futebol, o médico Homero Clauck, o advogado Cláudio Montanelli e os empresários Euzaide Lahn – o Peto – e Paulo Cunha foram as pessoas convidadas. Dos quatro, Clauck não teria aceitado o convite e os demais ficaram de responder. De acordo com Helder Lopes, a participação de ex-dirigentes é fundamental nesse momento.
- Isso representa um Brasil fortalecido sobre todos os aspectos. É o momento de união e de aglutinação – ressalta.

domingo, 18 de abril de 2010

Periquito volta a Liderar!

O Riograndense venceu de virada o Três Passos por 3 a 2 no Estádio dos Eucaliptos nesta tarde de domingo. A vitória e a combinação dos outros resultados do grupo colocaram o Periquito novamente na liderança isolada da chave 5 com nove pontos.

O Três Passos abriu o placar aos 15 min com Fábio Buda, mas o Riograndense empatou logo em seguida. Aos 19, Luís Fernando cobrou uma falta da esquerda de ataque e o zagueiro Kaiser, de cabeça, mandou para o gol: 1 a 1.

No final do 1º tempo, um pênalti não marcado sobre Toto acabou gerando muita confusão. No intervalo houve discussão entre os jogadores e a arbitragem e até agressão sobre Tabajara, massagista do Riograndense, cometida pelo volante Marcão. O resultado foi as expulsões dos jogadores reservas Flávio, do Rio
grandense e Mário, do Três Passos.

Logo aos 3 minutos da etapa final, Gudi - que retornava ao time - pegou um rebote e de fora da área marcou um golaço: 2 a 1. E dois minutos depois, Adílson foi derrubado na área: pênalti para o Riograndense, desta vez marcado pelo árbitro Éder Zanella.

Luís Fernando cobrou de pé esquerdo, alto, no lado esquerdo do goleiro Jean: 3 a 1. E somente no final do jogo, aos 50 min, em outra cobrança de pênalti, mas desta vez para o Três Passos, Fábio Buda descontou: 3 a 2 - placar final.


>> Ficha Técnica

Riograndense 3 : Jair; Paulão, Rangel e Kaiser; Gudi, Toto (Morelli), André Tereza, Adílson (Cleiton) e Luís Fernando; Hyroshi e Fábio Alemão (Alfinete). Técnico: Rodrigo Bandeira.


Três Passos 1 : Tom (Jean); Bronzatti, Caçapa (Daniel) e Sidnei; Fernando (Leandrinho), Marcão, Rafael Pelezinho, Aldair e Tatto; Evandro Britto e Fábio Buda. Técnico: Jéferson Câmara da Silva.


Passo Fundo e Gaúcho vencem seus jogos

Bons resultados para os dois times de Passo Fundo, no norte do estado.
Mesmo jogando fora de seus estádios, a dupla Passofundense mostrou bom futebol e seguem com chances de avançar para a próxima fase.

O Gaúcho venceu o líder da chave Santo Ângelo em Marau, pelo placar mínimo, 1 x 0.

Jogando no Colosso da Lagoa, porque perdeu o mando de campo, o Passo Fundo fez bonito e meteu 3x1 no Panambi, e continua na briga pra classificar.


Rio Grande vence Bagé e segue na liderança

Não foi fácil, mas o Rio Grande conseguiu vencer o Bagé por 3 a 2 e se manter na liderança da chave 4 da Segundona.

Mais uma vez, o time contou com grandes atuações de Mano Garcia e Rafael Viana. O público, que ainda não foi aquele esperado pela direção, comemorou a boa fase. O início de jogo do Vovô foi avassalador. Aos cinco minutos, Mano Garcia recebeu na área, girou o corpo e encheu o pé para abrir o placar. O Bagé deu a saída, foi ao ataque e perdeu a bola. Com toques rápidos e envolventes Rafael Viana ficou livre e, de biquinho de chuteira, jogou no ângulo do goleiro Mailon: 2 a 0.

Mas o que parecia ser uma goleada fácil se transformou em um pesadelo. Os comandados do estreante técnico Badico cresceram no jogo. Aos 17, Fabinho Natal fez boa jogada e chutou forte. Patrick defendeu parcialmente e o bom meia Edílson encostou para o fundo das redes. Treze minutos depois, a defesa do Rio Grande não cortou uma cobrança de escanteio que Castillo encostou para o fundo das redes, empatando o jogo. E a virada só não ocorreu graças a Patrick, que salvou o tricolor várias vezes.

O segundo tempo foi de muita entrega das duas partes. Os dois técnicos fizeram mudanças nos times e o Rio Grande se deu melhor. O jovem Ailon entrou e incendiou o ataque. Foi dele o início da jogada que sobrou para Mano Garcia, que perdeu a bola, caindo no pé de Carlão. O lateral foi derrubado no momento em que ia chutar: pênalti. Mano Garcia cobrou com categoria e deu números finais ao jogo: 3 a 2. No final, o Bagé teve o Volante Ronaldo expulso pelo confuso árbitro.

O Rio Grande volta a campo na quarta-feira (21), quando pega o Guarany de Camaquã fora de casa.

Jogos desse Domingo

O Glória segue trabalhando para a partida deste final de semana, contra o Cerâmica no domingo às 18h30min no estádio Altos da Glória.
O técnico Paulo Porto tem algumas dúvidas com relação à equipe que entra em campo para mais uma partida decisiva da Segunda Fase da Segundona 2010. Para o lugar de Rodrigo Couto, expulso na última partida, o comandante gloriano poderá escalar Fabinho, Alejandro ou até mesmo Marcelo Muller. Mas Muller também é opção na ala esquerda, com isso, o sistema voltaria a ser o 3-5-2 e Vagson retornaria ao sistema defensivo.

A dupla de ataque ainda não está definida, Silvano e Lucas disputam a posição de segundo atacante, enquanto que Leonel e Simovic brigam pela camisa número 9.
A arbitragem estará a cargo de Alexandro de Oliveira Vieira, auxiliado por José Javel Silveira e Marcelo Oliveira e Silva.
............................

Nos Eucalíptos, em Santa Maria, o Riograndese recebe o Três Passos para se recuperar da derrota na rodada passada, e assim continuar na ponta da tabela.
Situação bem diferente do TAC, que ocupa a nada confortável última colocação da chave 5 com apenas 1 ponto conquistado.15:30 é o horário da partida.

............................

14 de Julho e Guarany de Camaquã se enfrentam em Santana do Livramento também as 15:30 da tarde. Jogando em casa, o 14, não tem outra opção senão vencer, o 1 ponto até aqui faz da equipe segurar a lanterna da chave 4.
............................

O Panambi visita o Passo Fundo no Vermelhão da Serra as 15:30 deste domingo.Um embate que será bastante disputado, já que as duas equipes lutam pela passagem para a próxima fase.

............................

Jogando em Marau, o Gaúcho terá uma complicada tarefa, vencer o líder e invicto da chave 5, o Santo Ângelo, se quiser continuar na briga pela classificação.

............................

O São Paulo recebe o Guarany de Bagé, às 19h, no estádio Aldo Dapuzzo.

Após o bom resultado no meio da semana, em Camaquã, o grupo de jogadores não pensa em outro resultado senão a vitória e o possível retorno a liderança da Chave 4.

Paulo Afonso Coelho, o Leco, pode contar com o retorno do zagueiro Silva ao setor defensivo. O jogador fraturou o nariz no curso da 1ª Fase e deve usar uma máscara de proteção, caso entre na partida. Émerson Dantas é dúvida. O volante não participou do último coletivo antes do jogo e deve ceder espaço para o uruguaio Sergio Leite.

............................

O último jogo da noite, é no estádio Florestal de Lajeado, o Lajeadense encara o embalado Aimoré às 19:30.



sábado, 17 de abril de 2010

Brasil-Fa vence Cruzeiro e é líder





Em jogo muito disputado, nessa tarde, no Estádio das Castanheiras em Farroupilha, o Brasil-Fa chegou a liderança isolada do Grupo 6, com 8 pontos em 4 jogos.

Jogando em casa, o Brasil venceu o Cruzeiro de Porto alegre por 2 x 1. Tiago Rocha abriu o marcador e Magno fechou, dando a vitória a equipe da serra. Com a vitória o Brasil assume a ponta do grupo.

Cicero, Douglas e Mateus são apresentados no São Paulo

O presidente Jair Rizzo concedeu uma entrevista coletiva na sexta-feira, às 14h30min, no estádio Aldo Dapuzzo. Na oportunidade, Rizzo apresentou oficialmente três reforços para a imprensa: o zagueiro Cícero, o goleiro Douglas Molter e o lateral Mateus.

Cícero, 26 anos, possui formação nas categorias de base do Sport Club Internacional, passagens pelo América-RJ, Paysandu, 15 de Campo Bom, Helforge (Dinamarca) e Porto Alegre – onde recentemente disputou a Série A do Campeonato Gaúcho.

Mateus e Douglas Molter, dispensam apresentações. Com passagens destacadas pelo Aldo Dapuzzo, respectivamente em 2008 e 2009, ambos retornam com a promessa de muito empenho com a camiseta do São Paulo.

“Esses reforços irão se unir a um grupo de jogadores que é excelente e vem dando o retorno esperado. Possuímos um grande plantel, qualificado e pronto para alcançar a 1ª divisão”

Todos os jogadores apresentados estão regularizados no Boletim Informativo Diário (BID-E) e estarão à disposição de Paulo Afonso Coelho, o Leco, para a partida contra o Guarany de Bagé - o zagueiro Cícero, inclusive, já estreou na última quarta-feira em Camaquã.

Badico é o novo técnico do Bagé

Tanto na primeira fase da Série B como na segunda, em 2010, o Bagé ainda não conseguiu vencer fora de casa. E a superação desse desafio estará novamente em jogo neste sábado, quando os jalde-negros jogarão, como visitantes, diante do Rio Grande.Na fase anterior, no “Pedra Moura”, os jalde-negros venceram de forma dramática por 4x3. Em Rio Grande, houve empate em um gol.

A principal novidade jalde-negra, no jogo em Rio Grande, estará no banco, com a presença do treinador Rinaldo Lopes Costa (Badico), substituindo Luiz Clóvis Lemos, que se demitiu após a derrota de 2x1 no Ba-Gua de quarta-feira. Badico foi treinador jalde-negro no início de 2008 e depois foi substituído pelo próprio Lemos. O Bagé terá os desfalques de Fernando Costa, Arruda, Luciano Ritta e William, expulsos no clássico.

O jogo começará às 19h, tendo como árbitro Adriano Sajonc, com os assistentes Alduino Mocelim e Júlio César Barcelos Rodrigues.

RIO GRANDE – Patrick, Carlão, Mano e Fogolari; Maicon, Ígor, Róbson, Renato Vianna e André Silva; Jéferson e Mano Garcia. Treinador: Luís Carlos Lombardi da Silva.

BAGÉ – Mailon, Héberson, Aládio e Arruda; Evandro Salermo, Ronaldo, Evandro Moreira, Edílson e Tiago Saraçol; Castillo e Fabinho Natal. Treinador: Rinaldo Lopes Costa (Badico).

Grupo Xavante segue indefinido

Nesta sexta-feira (16) à tarde a direção do Brasil teve mais uma tentativa de acertar a rescisão de contrato com o atacante Kleyr, mas não obteve êxito. O vice-presidente André Araújo diz que as negociações irão se estender até o clube conseguir entrar em um acordo de forma amigável que fique bom para as duas partes.

“Não conseguimos acertar nada, isto ainda vai ter seguimento amanhã e segunda-feira. A intenção é resolver tudo numa boa, a rescisão ou não do contrato vai depender das negociações. Pensamos na condição financeira para o clube ter menos prejuízo”, disse o dirigente.

Douglas Pitbull, Paulo Renato, Belmonte e Ney Santos também estão com a situação pendente com o clube. As conversas com Cléber Gaúcho ficaram para a semana que vem, mas segundo o vice-presidente este deverá ser o acerto mais tranquilo.

Apesar da direção não ter conseguido concluir a situação destes atletas nesta sexta, conforme o planejado, André Araújo afirma que isto não irá atrasar as preparações e trabalhos focados na Série C do Campeonato Brasileiro. Ainda segundo o dirigente, a direção conversou com alguns interessados em ajudar o clube na competição.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Segundona Gaúcha: Arbitragens da 4° rodada


Jogo: LAJEADENSE X AIMORÉ Data: 18/04/2010 Hora: 19:30
Árbitro: DANIEL ALOYSIUS SODER
Assistente 1: ANTÔNIO CESAR DOMINGUES PADILHA
Assistente 2: LEIRSON PENG MARTINS


Jogo: GLÓRIA X CERÂMICA Data: 18/04/2010 Hora: 18:30
Árbitro: ALEXANDRO DE OLIVEIRA VIEIRA
Assistente 1: JOSÉ JAVEL SILVEIRA
Assistente 2: MARCELO OLIVEIRA E SILVA


Jogo: GAÚCHO X SANTO ÂNGELO Data: 18/04/2010 Hora: 16:00
Árbitro: ANDRÉ CIESLAK
Assistente 1: JOSÉ INÁCIO DE SOUZA
Assistente 2: MAX AUGUSTO GUIMARÃES VIONI


Jogo: 14 DE JULHO X GUARANY-CM Data: 18/04/2010 Hora: 15:30
Árbitro: RONALDO SANTOS DA SILVA
Assistente 1: MARCELO BERTANHA BARISON
Assistente 2: PAULO RICARDO SILVA CONCEIÇÃO


Jogo: PASSO FUNDO X PANAMBI Data: 18/04/2010 Hora: 15:30
Árbitro: RUDNEI BRAGA CORRÊA
Assistente 1: JÚLIO CESAR RODRIGUES DOS SANTOS
Assistente 2: ÉMERSON KRONBAUER


Jogo: SÃO PAULO X GUARANY-BG Data: 18/04/2010 Hora: 19:00
Árbitro: DOUGLAS PERDOMINI GERALDO
Assistente 1: JOSÉ ANTÔNIO CHAVES FRANCO FILHO
Assistente 2: MAURÍCIO COELHO SILVA PENNA


Jogo: RIOGRANDENSE X TRES PASSOS Data: 18/04/2010 Hora: 15:30
Árbitro: EDER DAVI ZANELLA
Assistente 1: JOSÉ OTÁVIO DIAS BITTENCOURT
Assistente 2: RAFAEL DA SILVA ALVES


Jogo: BRASIL-FAR X CRUZEIRO Data: 17/04/2010 Hora: 16:00
Árbitro: DEMÓDIO LUIZ DA SILVA WAGNER
Assistente 1: MARCOS EDINEI PEREIRA DE MORAES
Assistente 2: ANDRÉ DA SILVA BITTENCOURT


Jogo: RIO GRANDE X BAGÉ Data: 17/04/2010 Hora: 19:00
Árbitro: ADRIANO SAJONC
Assistente 1: ALDUINO MOCELIM
Assistente 2: JULIO CESAR BARCELOS RODRIGUES

Volante Eduardinho é o novo reforço do Brasil de Farroupilha

Após confirmar a contratação do centroavante Sandro Sotilli, do atacante Kito e do ala/meia Dudu, o Brasil de Farroupilha apresentou hoje o quarto reforço oriundo da primeira divisão do Gauchão. Trata-se do volante Eduardo, o Eduardinho, ex-Caxias e que disputou o estadual de 2010 pelo Veranópolis. Jogador de forte marcação e de muita qualidade na saída de bola, Eduardinho chega para a sequência da disputa da Segundona Gaúcha, competição da qual o Brasil é líder na segunda fase.

O jogador se apresentou na manhã desta sexta-feira e já trabalhou com o grupo de atletas.Eduardo Flores Gomes chega aos 26 anos no auge de sua forma física e técnica. Principal destaque do Caxias na conquista do campeonato Estadual de Juniores de 2003 e titular da equipe de Caxias por quase cinco anos, Eduardinho se destaca pela alta velocidade, mesmo sendo jogador da primeira linha do meio de campo.

No Gauchão de 2010, Eduardinho teve atuações destacadas, chegando a ser eleito craque da quarta rodada da competição.

FGF realiza eleição para escolher os melhores do Gauchão

O prêmio os “Melhores do Gauchão” é promovido pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF). A sexta edição do encontro ocorrerá no dia 3 de maio. Como nos outros cinco anos, a entidade realizará um jantar que confere aos melhores atletas em cada uma das posições troféus e medalhas para destacar a participação de dirigentes e árbitros ao longo do Campeonato Gaúcho.
Os eleitos serão conhecidos em jantar fechado para jornalistas, dirigentes e patrocinadores promovido pela FGF, às 19h15, na Associação Leopoldina Juvenil, em Porto Alegre.


A inovação neste ano refere-se a forma de votação. Nos anos anteriores os melhores de cada uma das categorias eram eleitos pelos jornalistas dos principais veículos de comunicação do estado que cobrem o campeonato. Em 2010, esses jornalistas elencaram os três melhores em cada categoria e o público está votando na internet, no site da FGF, para escolher o melhor de cada categoria dentro os três nomes elencados pelos jornalistas.
Cada torcedor ou fã de jogadores, técnicos ou dirigentes, por exemplo, pode acessar o site da FGF e escolher os seus “Melhores do Gauchão 2010”.


O link para a votação é http://www.fgf.com.br/enquete.php

Helder Lopes continuará na presidência do Brasil-Pe

O presidente Helder Lopes irá cumprir o seu mandato até o final. Embora esta não fosse a pauta da reunião do Conselho Deliberativo do Brasil na noite desta quinta-feira (15), era a principal questão discutida nos bastidores e nas arquibancadas do estádio Bento Freitas. 84 dos 267 conselheiros do clube se reuniram à portas fechadas no Salão Nobre para discutir os temas relacionados ao planejamento para o segundo semestre.

Lá fora, em frente ao estádio, um grupo de torcedores que não aguentou esperar até o final do encontro que foi encerrado às 23h05min, segurava uma faixa com a frase “Fora Helder” e pedia a saída do dirigente.

Mas este sequer foi o tom da conversa dentro do Salão Nobre. Por estatuto, o Conselho Deliberativo não poderia solicitar a retirada de Helder do cargo, a única surpresa que poderia haver no encontro seria o próprio pedir para se afastar. Mas, isso não ocorreu e tudo se desenrolou dentro da normalidade.Após a reunião, o presidente se pronunciou, depois de duas semanas sem falar com a imprensa. Ele disse não ter se sentido pressionado pelos membros do Conselho, embora tenha havido oposição que em seu entender foi minoria. O dirigente também disse ter pensado em deixar o cargo em alguns momentos, mas teve apoio e força de outros dirigentes e amigos para seguir.

Antes da reunião, o Brasil rescindiu contrato com Márcio Egídio e confirmou a permanência do goleiro Luciano. Na sexta-feira, serão definidas as situações de Cléber Gaúcho, Belmonte, Kleyr e Ney Santos no clube. Três patrocínios foram confirmados para a competição nacional, mas o nome das empresas não foram revelados. Especula-se que um dos apoiadores seja o Banrisul. A Agecom pagou nesta quinta parcela de R$100 mil ao clube e não confirmou a continuidade do patrocínio.